16 de maio de 2014

Ginen Shounen


Oi pessoal, tudo bom com vocês ? Cá estou aqui novamente e dessa vez trago um mangá que li recentemente e eu simplesmente adorei. Suspense. Amor não correspondido. Sobrenatural. E o que nunca falta em um shoujo: Triângulo amoroso. Apesar de não ser tão grande, tendo apenas quatro volumes, eu me apeguei fácil. Enfim, vaamos logo né ?

Ginen Shounen 

Sinopse: Matataki é um colegial que vê o mundo através das lentes de sua câmera fotográfica. Certo dia, ele descobre que a luz capturada pelo obsturador de sua câmera pode não apenas revelar a brevidade de um instante alheio ao tempo, mas também ao futuro. Entretanto, o futuro retratado diante dele é aterrador e funesto. Cabe agora a Matataki sacrificar tudo pelo seu amor e pela sua própria vida para salvar seu futuro.
Mangaká: Gotou Junpei
Volumes: 4 (Completo)
Gênero: Drama, Romance, Vida escolar, Supernatural, Shounen.
Um mangá nem tanto conhecido e nem tem os gráficos divos, mas o enredo é incrível. No começo eu estava meio descrente que poderia ser um bom mangá, mas só de ler o primeiro capitulo senti que seria bom, teria suspense (o que eu amo) e romance (o que eu amo ainda mais), além de ser bem original, na minha opinião. Matataki tem um hobby (ou eu deveria dizer vício) de tirar fotos. Mas a maioria das mesmas são fotos de sua amiga, Mirai. Tipo maioria mesmo. Sinto cheiro de obsessão, hsua. Voltando, ele é caidinho por ela mas a mesma só que além dela ser uma louca que não para de participar de competições mais malucas ainda, fazendo ela estar sempre ocupada, Mirai nem imagina que ele tem sentimentos por ela, ou seja, sinto muito meu caro Matataki, mas você está na friendzone. 
"Ta e cadê o sobrenatural ?", não precisa se preocupar, pois é bem aí que vai começar as tretas. Bem já no começo do capitulo ele tira uma foto de Mirai andando de bicicleta, mas ele vê ela com roupas diferentes. Mas não fica bem entendido. Então mais tarde quando eles dois estão no lugar onde se o casal se beijar irá ficar junto para sempre, ele tira uma foto dela no altar e KAABUM (Q ?), vê Mirai em altos beijos com um cara no mesmo lugar. Se assusta e tal, até que percebe: Ele viu o futuro.E logo depois ele conhece o garoto que Mirai estava beijando na foto, o "Cara do Tênis". Mas não é só isso. Depois a paixonite dele está chegando da escola e ele vai tirar uma foto dela, mas ele vê outra coisa.
Uma coisa bem diferente.
Ele caído no chão. 
Morto.
Ele continua a tirar fotos do futuro e nenhumas são boas. Cabe a ele mudar o futuro, mesmo tendo a morte já prevista. Com a ajuda de seus amigos, Takamura, Momo-senpai e Nimi-san, ele terá que arrumar uma forma de mudar suas previsões trágicas. 
"Chegou a hora de mudar o meu futuro!" ~le eu tentando falar algo bonito sobre o mangá~.

Bem quem tiver ficado interessado e quer baixado é só clicar aqui, mas se quiser ler online, clica aqui.
Beeijos, Laura-chan >3<'


14 de maio de 2014

Resenha: REC - Kimi Ga Naita Hi


Eu sei que já foi postado sobre esse mangá aqui, mas puuuts ele é tão perfeito que não aguentei. Quem conhece esse mangá sabe. Quem não conhece,  tem que conhecer agora!
Se você é do tipo de pessoa que curte um romance com suspense, esse mangá vai te conquistar. Vale ressaltar que esse mangá é tipo "O choro é livre para todos os públicos", literalmente, isso porque eu nunca chorei tanto lendo um mangá (com exceção Orange, nada supera também). Se eu pudesse definir só com algumas palavras seria: Lindo, emocionante, tocante e marcante. São apenas quatro capítulos, mas te envolve de uma maneira que não dá nem pra explicar. Não preciso nem dizer que entrou na minha lista de favoritos, né?     
Imagino que vocês já não devem estar aguentando essa faladeira, então vamos lá.

REC - Kimi Ga Naita Hi


Sinopse: Aizawa Minani é uma menina que nunca chorou em toda sua vida. Ela é desajeitada com seus sentimentos e sempre carrega com ela uma filmadora e grava tudo o que gosta. Por causa de suas peculiaridades, ela é rotulada como aberração e alienada por seus colegas.Satoru é seu colega de classe, ele é um ator recém aposentado que a entende. Eles rapidamente se tornam amigos, mas Satoru esconde um segredo de Minami e do mundo...
Mangaká: Makino Aoi
Volumes: 4 Capítulos (Concluído)
Talvez eu que seja coração mole demais, mas só sei que chorei, do início ao fim.  Pessoas, esse mangá é destruidor. Eu pessoalmente não gosto tanto assim de mangás curtos, porque depois fico em uma crise de não aceitação do fim ("Ok, ccadê o resto?Tem mais né? Tem que ter mais, socoorr"), porém esse me conquistou já nas primeiras páginas, simples assim. Foi amor a primeira página. 
Eu achei bastante original a história, principalmente pelo fato da protagonista não ser compreendida (e não se compreender), mostrando como as pessoas podem ser horríveis, principalmente com o que não entendem. Outro ponto interessante é o hábito que Minami tem de estar sempre acompanhada de sua câmera, gravando sempre que possível. E uma frase que causou muito impacto sobre esse costume dela foi: "Eu não filmo pessoas, porque eu odeio elas". Ai. 
E não é só isso, como ela se sente e é vista como uma anormal por nunca chorar, ela sempre achou que fosse algum defeito, afinal Minami não tem conhecimento de ninguém que nunca derramou uma lágrima sequer, mesmo diante de acontecimentos tristes. Até que ela nota que Satoru nunca sorriu de verdade, que ele é como ela.
Confesso que achei isso da mocinha que nunca chora e o boyzinho que nunca sorriu muito lindo aaaa
Enfim, me desculpem por repetir um mangá já postado, mas espero que as pessoas que ainda não o conhecia gostem bastante.  
Se quiser baixar clique aqui, se quiser ler online clica aqui.
Beijos e lágrimas (sim, eu ainda não superei),
Laura-chan.

Resenha: The One


Olá *3*, demorei e muuito não é ? Mas é que, além de trabalhos de escola, passei por uns problemas, adoeci e entre outras coisas, o que me atrapalhou tanto pra postar, como pra postar. E eu não gosto de simplesmente digitar e postar qualquer coisa, eu reviso e as vezes reescrevo. Eu gostaria de falar pra vocês que agora eu tenho um Ask, sem ser o do blog (que pra quem não conhece ainda, é só clicar aqui), aí lá cês podem falar comigo, sugerirem mangás e até dar dicas, pra acessar o ask clique aqui. Fiquem a vontade. Agora vamos para a nossa resenha u_u

The One


Sinopse: Cane Lele nasceu na indústria da moda. Sua mãe, Ye Fei Yi, foi top model da Taiwan, e seu pai também era um modelo, até que um trágico acidente de avião deixou Lele orfã. Portanto, não é nenhuma surpresa de que Lele odeie a indústria, pensando que é superficial e desnescessário. Criada pela avó materna, Lele atinge 17 antes que ela seja sugada pela irmã de sua mãe, Ye Fei Hong, um agente de modelo fashion (e ex-modelo), convence Lele mesmo relutante, em ser modelo. Lele tinha sido adversa pela idéia, até que ela vê uma foto do popular modelo Americano Angus Lanson, e ela começa a ver a modelagem como uma forma de arte. Quando o editor da revista de sua tia Fei Hong convida Angus Lanson a uma reunião com todos os embaixadores da moda, Lele é convidada para conhecê-lo e é muito curioso. Ela não sabe de que o irmão gêmeo de Angus mais velho , Eros Lanson, vai secretamente acompanhado de seu irmão.Isso, obviamente, leva à confusão e é o ínicio de uma história encatadora de metas de Lele: moda em Nova York, tornando-se uma modelo top, e o amor?  
Mangaká: Lee Nicky
Volumes: 03 - Em andamento (17 volumes no total)


PERIGO! Cenas que podem fazer o leitor se apaixonar, cuidado.
Bom, acho que já deu pra ter uma ideia do mangá, já que a sinopse é bem grande. Bem mesmo. Esse mangá, que foi recomendado por um Anônimo (que tenho muuuito a agradecer >3<), é bem diferente. Não só por ser chinês, tendo assim traços diferentes, mas a história em si é bem original. Lele é filha de dois super  modelos chineses que morreram quando ela ainda era pequena. Só que ela não tem interesse nesse tipo de área até ver a foto de um modelo popular (que é um deus), e então decide que vai se tornar popular pra um dia vir a conhece-lo. E como sua tia era modelo, ela será sua "instrutora", e rígida é ainda um elogio pra essa criatura. Em meio a muita comédia, fotos e saltos, Lele luta pra se tornar única! (e aguentar os treinamentos da tia).
Esse foi o primeiro mangá chinês (descobri que eles são chamados de Manhua) que leio, mas mesmo tendo estranhado os traços no começo, eu simplesmente adorei a história, assumo que fazia tempo que não ficava tão empolgada com um mangá. E ele é bem engraçado, graças as dificuldades e micos que a nossa protagonista passa pra conseguir se tornar em uma modelo famosa. 
Quem ainda não leu, não sabe o que está perdendo, uma história incrível e mesmo não estando completa ainda, me conquistou. Engraçado. Instigante. E tem caras bonitos. Precisa do que mais ? haha.

Para ler online clique aqui (entretanto, só tem até o Volume 02), mas se quiser baixar: Fascinating Mystery Scans ou Baka Suki.
Espero que goostem e se divirtam lendo The One <3.
Beijos, Laura-chan

Theme por Erica Pires © 2011 - 2012 | Powered by Blogger | Todos os direitos reservados | Melhor Visualizado no Google Chrome | Topo